Connect with us

Agenda

Museu de Arqueologia de Itaipu tem roda de capoeira e oficinas neste sábado

Programação faz parte de ações que visam ampliar rede de proteção da instituição contra possível privatização

Publicado há

no dia

Museu de Arqueologia de Itaipu promove sábado de atividades culturais. Foto: Divulgação
Museu de Arqueologia de Itaipu promove sábado de atividades culturais. Foto: Divulgação

Para marcar o início da campanha O MAI Quer Ser MAIS — Museu Aberto Inclusivo e Sustentável —, o Museu de Arqueologia de Itaipu (MAI) entra na programação da 12ª Primavera dos Museus, neste sábado (29), com oficinas e atividades culturais que acontecem a partir das 9h.

Na programação estão previstas, entre outras atividades, oficinas de capoeira, com o contramestre Tetel, e de confecção de rede de pesca, com o pescador artesanal Jairo Augusto.

O evento é uma realização do MAI e do grupo Ocupa MAI, visando a participação da sociedade civil na luta pela ampliação da Rede de Proteção do MAI, que se posiciona contra a iminente privatização proposta na medida provisória (MP 850/2018) apresentada pelo governo federal após o incêndio que destruiu parte do acervo do Museu Nacional, no Rio, em 2 de setembro.

Além das atividades culturais, às 10h, será servido um lanche colaborativo durante reunião sobre as ações de mobilização do Ocupa MAI, com confecção de faixas, estandartes e camisas.

Os interessados em participar devem reunir os seguintes materiais: banners usados, estruturas de madeira para sustentação, tinta, tecidos coloridos, cola quente, camisas para a confecção de estêncil, etc.

Confira a programação:

9h – Oficina/Roda de capoeira com o Mestre Léo Pivete e Contramestre Tetel

10h – Lanche colaborativo, reunião com o grupo Ocupa MAI e confecção de faixas, estandartes e camisas

11h – Oficina de confecção de rede de pesca com Jairo Augusto, pescador artesanal

Data: 29/09
Horário: a partir das 9h
Local: MAI – Museu de Arqueologia de Itaipu
Contato: 37012966 e 37012994
Organizadores: MAI e Ocupa MAI

Hannah Marchon Detes, 27 anos, gestora ambiental, estudante de desing gráfico, voluntária e ativista nas horas vagas. Integrante do Projeto socioambiental See2Sea. Nascida e criada na Região Oceânica de Niterói.

Folha Digital

Advertisement
Advertisement
Advertisement

Mais lidas